Adolescentes: cuidado com piercings e tatuagens

Piercing: É um tipo de adorno inserido por perfuração em certas partes do corpo.

Tatuagem: É a inserção de pigmentos insolúveis na pele, que permanecem definitivamente e, em geral, são feitos com Tinta da China.

Contra-indicações:

1. Grávidas
2. Tendência para formação de quelóide
3. Dermatites atópicas
4. Quem tem dermatografismo
5. Problemas com coagulação do sangue
6. Doenças cardíacas congênitas

Complicações:

Piercing:

1. De 10% a 30% causam infecção ou sangramento local
2. Dor e inflamação local
3. Disseminação infecciosa
4. Transmissão de hepatite B, hepatite C e tétano, quando o material usado é inapropriado
5. Traumatismos e dificuldades de fala, além do mau hálito.

Tatuagens: Nunca faça sem antes saber os efeitos colaterais do material usado, mesmo se tratando dos temporários, que são realizados com “henna” e podem causar alergias de contato. Outras complicações são as infecções causadas por equipamentos não esterilizados. Para remoção das tatuagens existem vários métodos. São tratamentos difíceis e podem provocar hemorragias e cicatrizes com sequelas piores que a própria tatuagem. Portanto, é preciso pensar bem antes de fazé-las.

Fonte: Departamento de Adolescência da SPSP-nº 19 (Recomendações)

Dr. Jamil Nahass
Médico pediatra e vice-presidente da Área de Saúde

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *